Apoio financeiro da UE a Portugal pode triplicar até 2022, diz Elisa Ferreira

Apoio financeiro da UE a Portugal pode triplicar até 2022, diz Elisa Ferreira

Os apoios financeiros de Bruxelas a Portugal poderão triplicar até 2022. Quem o diz é Elisa Ferreira, comissária europeia para a Coesão e Reformas, que falava no debate da Sustentabilidade, promovido pelo Jornal de Negócios.

A responsável sublinhou que está em discussão um pacote financeiro que, entre empréstimos de longo prazo e subvenções a fundo perdido, pode triplicar os apoios financeiros a Portugal até 2022.

“Portugal tem o sentido de urgência e quando tem de fazer as coisas, faz. A crise é violenta mas há oportunidades na União Europeia”, referiu Elisa Ferreira.

Por sua vez, Jorge Moreira da Silva, diretor da Cooperação para o Desenvolvimento da OCDE, sublinhou que 80% das estratégias para combater as alterações climáticas dependem de ações nos países em vias de desenvolvimento que também serão dos mais afetados.

Por isso, defendeu,  a “bazuca” teria de ter três objetivos: a recuperação financeira, as alterações climáticas e o combate às desigualdades.